Prossegue a vacinação contra a gripe

A campanha nacional de vacinação contra a gripe terá sequência até o dia 30 de junho. Uma das preocupações verificadas em Francisco Beltrão e no restante do país é que na maioria dos grupos beneficiados a meta não foi alcançada.

       De acordo com Manoel Brezolin, secretário municipal de Saúde, em Beltrão a situação é mais crítica nos grupos das crianças de 6 meses a 5 anos, com 65% da meta alcançada, gestantes e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), com apenas 60% da meta. Vários outros grupos também não atingiram o necessário.

        A surpresa positiva neste ano são os idosos a partir dos 60 anos, que superaram a meta em 28%. Até o momento 27.600 pessoas foram imunizadas em Francisco Beltrão. No geral a meta mínima de 90% estabelecida pelo Ministério da Saúde foi alcançada, mas alguns grupos estão deixando a desejar.

       Até o final do mês a vacina estará disponível em todas as unidades de saúde da cidade e do interior do município. A vacina não previne contra o coronavírus, mas protege contra a gripe, possíveis infecções secundárias e internações hospitalares. Ela protege contra três tipos de vírus influenza. “É muito importante que todos se imunizem neste período do ano onde historicamente, com a chegada do frio, os problemas respiratórios aumentam em nossa região”, enfatiza o secretário Brezolin.




Skip to content