Corte e substituição de árvores devem ser feito com orientação da Prefeitura

Da assessoria

Prefeitura mantém equipe para retirada de tocos e coleta de galhos

Prefeitura mantém equipe para retirada de tocos e coleta de galhos

Moradores que desejam podar, cortar ou substituir árvores que estão na área da calçada devem ter autorização da Secretaria de Meio Ambiente para realizar o serviço. A orientação técnica da Prefeitura visa seguir o Plano de Arborização do município e evitar a redução do número de árvores na cidade.

“Muitas vezes o pessoal faz a poda de forma muito agressiva e acaba matando a árvore, em outras, se corta a árvore sem substituir por outra, sem fazer o chamado ciclo”, explica o fiscal de Meio Ambiente, Emmanuel Olivo. A recomendação é de que os moradores protocolem na Prefeitura o pedido do serviço para receber a orientação correta.

O descumprimento das normas do Código de Arborização pode resultar em multas que variam de cinco a 50 URMs – entre R$ 245 e R$ 2.450.

O Município mantém um viveiro próprio para a criação de mudas nativas e frutíferas de diferentes espécies que podem servir para a substituição de árvores. Além disso, possui equipe que recolhe e destina galhos e também faz a retirada de tocos de árvores que obstruem o tráfego de pedestres na calçada.




Skip to content